Pensamos Diferente
Nossos consultores precisam ter boa formação e experiência? Sim. Mas não é só isso. Queremos postura pró-ativa frente a um problema ou oportunidade. Em poucas palavras, aceitar o desafio. Desafio de pensar diferente. Usar a criatividade para pensar em uma solução simples, ao invés de investir em complexidade.
Venha Trabalhar Conosco
Se você concorda com nosso modo de pensar, seus valores são os mesmos que os nossos, você acredita em crescimento profissional constante e gosta de desafios, entre em contato conosco, venha tomar um café e resolver um Case. Você pode trabalhar conosco!
Nossos Valores
  • Ética
  • Comprometimento
  • Confiança
  • Competência

Inteligência em Redução de Custos





Benefícios


Mensuração dos Desperdícios

Análise da Causa-Raiz

Gestão focada em Resultados


Agenda


Etapa 1
Preparação e Levantamento de Dados

Preparação e Levantamento de dados

Objetivo
Avaliar a situação atual. Demanda, produtividade, custo e qualidade.
Método de Ação
Levantamento de dados nos relatórios financeiros e medições na área.

Ferramentas

  • Cronoanálise
  • Análise de custos e desperdícios

Etapa 2
Modelagem

Modelagem

Objetivo
Discutir com o time as oportunidades de melhoria e projetar o estado futuro.
Método de Ação
Modelo de custeio
Ferramentas
Modelagem em planilhas

Etapa 3
Validação e Propostas de Melhorias

Validação e Propostas
de Melhoria

Objetivo
Testar e alinhar com a Operação o estado futuro projetado.
Método de Ação
Testes e Piloto
Ferramentas
PDSA

Etapa 4
Plano de Ação

Plano de Ação

Objetivo
Utilização do modelo e acompanhamento das metas para os direcinadores de custo.
Método de Ação
Kaizen
Ferramentas
A3

Etapa 5
Resultados

Resultados

Objetivo
Garantir os resultados planejados.
Método de Ação
Acompanhamento
Ferramentas
Reuniões semanais de rotina

O maior objetivo de qualquer negócio é o lucro. Para aumentar a lucratividade de sua empresa, no entanto, é preciso tomar as decisões certas na hora certa.

Existem dois modos de aumentar o lucro:

  • Aumentar o faturamento, ou
  • Promover uma redução de custos

Esses dois modos só são postos em prática com um planejamento financeiro. Planejar significa ter um plano. Com um plano podemos ter orçamentos e podemos controlar este orçamento.

Para este plano de redução de custos faz-se necessário seguir alguns passos:

  1. Conhecer o negócio e os funcionários. Comece pelo mapeamento de todos os processos do seu negócio. Fazer uma análise da situação atual é sempre o melhor ponto de partida. Este passo também ajuda a envolver os funcionários neste processo.
  2. Identifique os processos como:
    • Fundamentais: Processos diretos, ou seja, processos que agregam valor.
    • Periféricos: Processos indiretos que se relacionam com a geração de receitas.
    • Pouco importantes: geralmente são os processos que geram as maiores perdas ou desperdícios, ou seja, processos que não agregam valor.
  3. Criar indicadores. Com as atividades mapeadas, podemos saber como elas consomem recursos e também como os produtos consomem estas atividades. Estes direcionadores de consumo serão os indicadores usados para gestão dos custos. Escolher alguns indicadores que serviram como medidor de desempenho para o projeto de redução de custos.
  4. Estabelecer metas de custos e criar um estado futuro a ser atingido. Com o mapeamento e os indicadores, pode-se pensar nas melhorias de processos que nos levarão à redução de custos. Nesta etapa temos que pensar em como melhorar ou eliminar atividades, e não pensar em como cortar recursos. Não se preocupe, a redução de custos é consequência da melhoria do processo. Compartilhe os resultados da empresa e números de uma maneira honesta e verdadeira. Ao fazer isso você irá incorporar esta filosofia de gerenciamento de custos em seu negócio. Se você quiser saber mais sobre este passo veja o artigo de Maurice Ewing – Cutting Costs Without Cutting People.
  5. Revisar constantemente as metas e o novo estado atual. Não esquecer que os custos e as despesas são como unhas, estão sempre crescendo, logo devem ser sempre cortadas para não arranhar a organização.

CasesRelacionados



Mais Produtos deAlto Impacto


Design de Alta Performance

– 30% de aumento de produtividade
– 20% de redução de custo
– Qualidade garantida
– Cuidado com ergonomia

Quero Saber Mais

Comunicação de Alto Rendimento

– Baseado no artigo DNA da Toyota
– Eficiente
– Ágil e Consistente

Quero Saber Mais

Agilidade na Operação de CD

– Agregar valor na operação do CD
– 31% de aumento da produtividade
– 12% de redução de custo

Quero Saber Mais