Pensamos Diferente
Nossos consultores precisam ter boa formação e experiência? Sim. Mas não é só isso. Queremos postura pró-ativa frente a um problema ou oportunidade. Em poucas palavras, aceitar o desafio. Desafio de pensar diferente. Usar a criatividade para pensar em uma solução simples, ao invés de investir em complexidade.
Venha Trabalhar Conosco
Se você concorda com nosso modo de pensar, seus valores são os mesmos que os nossos, você acredita em crescimento profissional constante e gosta de desafios, entre em contato conosco, venha tomar um café e resolver um Case. Você pode trabalhar conosco!
Nossos Valores
  • Ética
  • Comprometimento
  • Confiança
  • Competência

Lean Manufacturing para fábricas MTO

Lean Manufacturing para fábricas MTO

Lean manufacturing é de fato algo muito falado e usado nas indústrias. A metodologia ganhou espaço, pois foi comprovado quantos benefícios e economias o seu uso traz quando bem estruturado e disseminado como cultura. É importante enfatizar que dentro da empresa, todos os funcionários de áreas diversas devem estar familiarizados com este modo de operação, pois só assim teremos os resultados esperados.

Em qualquer operação se pode aplicar o Lean, basta entender que para obter sucesso o que se deve fazer é simplificar os processos e torná-los enxutos para assim garantir redução de custos e eliminação desperdícios.

lean

Antes de difundir estes conceitos é interessante analisar em qual tipo de sistema estamos. Por exemplo, existem duas estratégias muito importantes que definem o modo de operar da empresa: MTO (Make to order) e MTS (Make to stock).

Empresas que trabalham produzindo sob demanda (Make to Order) conseguem fornecer um produto mais customizado e consequentemente agregar mais valor à mercadoria e ao implantar o Lean em seus processos, acabam reduzindo custos e eliminando desperdícios com mais facilidade, pois não perdem estocando o produto final. Atualmente, estocar não é uma vantagem, existem custos altos que influenciam muito nas finanças da empresa: perda de espaço, custo com deslocamento de materiais, mão de obra para cuidar do processo de armazenagem, dentre outros. O capital de giro empregado em material parado, poderia ser utilizado para outros fins, talvez cruciais naquele determinado momento.

Numa empresa de bens de capital, por exemplo máquinas e equipamentos, muitas vezes fornecedores estratégicos, pois outros nichos dependem dela para manter seus processos ativos, que produza segundo o MTO (Make to Order), os pedidos dos clientes são únicos, pode-se fabricar itens de acordo com a necessidade dele. A indústria 4.0, que compreende grandes inovações tecnológicas, caminha em paralelo com o Lean, visando mais uma vez a simplicidade do processo, mas agregando valor tanto para o cliente como para o fornecedor. Tipicamente a indústria 4.0 é uma operação MTO é muito focada em atender a demanda específica do cliente – premissa fundamental do lean.

Dentro do Lean, pode-se encontrar outra metodologia muito utilizada que é o Sistema Puxado, onde o fluxo dos materiais ocorre pela exigência da demanda, ou seja, o cliente é quem “puxa” a produção. Neste sistema faz uso do KANBAN – um sistema simples de controle, onde se usam cartões para sinalizar para o processo que o seu processo cliente precisa de peças.

kanban

Esquema do sistema puxado

Quadro Kanban

Ao implantar o Lean dentro de uma empresa pode-se reduzir além dos custos diretos, capital de giro representado pelos materiais que ficariam parados em estoque e acabariam perdendo seu valor e se depreciando ao longo do tempo. Quando não se faz uso de grandes estoques o capital de giro pode ser liberado, a empresa então pode investir em outras áreas, como novas tecnologias, prospecção de novos clientes ou até mesmo investir no conhecimento dos funcionários, com treinamentos e qualificação da mão de obra. Muitas vezes os prazos também diminuem, pois, a produção só trabalhará com os pedidos que forem firmados, assim pode-se oferecer produtos customizados, o que aumenta o valor agregado e diferencia a empresa frente ao mercado.

O lean quando implantado, traz causa bons resultados para a companhia. Depois de disseminado acaba fazendo parte do dia a dia das pessoas, não só na área produtiva mas como também nos escritórios. Outros métodos podem ser implantados e indiretamente gerar redução de custos e ganhos de produtividade, como por exemplo o 5S que são os sensos de uma cultura disciplinada que aumenta a eficiência operacional.

Share